Última Hora! José Sócrates ilibado de crimes de corrupção

José Sócrates foi ilibado dos três crimes de corrupção passiva de titular de cargo político de que estava acusado, no âmbito da ‘Operação Marquês’.

A decisão instrutória foi lida hoje no Campus da Justiça, em Lisboa, pelo juiz Ivo Rosa. José Sócrates foi assim ilibado dos crimes de corrupção passiva relacionados com o Grupo Lena e o empresário e seu alegado testa-de-ferro, Carlos Santos Silva, entre 2005 e 2011, outro entre o ex-chefe do Governo e o antigo banqueiro Ricardo Salgado envolvendo o Grupo Espírito Santo e a PT, e ainda um terceiro em coautoria com o ex-ministro Armando Vara sobre o financiamento pela Caixa Geral de Depósitos do empreendimento Vale do Lobo.

De recordar que o antigo primeiro-ministro foi acusado pelo Ministério Público de 31 crimes: corrupção passiva de titular de cargo político (três), branqueamento de capitais (16), falsificação de documento (nove) e fraude fiscal qualificada (três).

De salientar também que Ivo Rosa tem arrasado a acusação do Ministério Público (MP), que disse basear-se em “especulação e fantasia”.

You may also like...