Trabalhadores de hipermercados marcam GREVE

Trabalhadores de hipermercados marcam GREVE

Como nos últimos anos, os funcionários da grande distribuição, incluindo Jumbo, Pingo Doce, Minipreço e Continente, emitiram um pré-aviso de greve. Segundo o CESP – Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal haverá uma greve no dia 1 de maio, Dia do Trabalhador.

Os trabalhadores exigem a revisão do Contrato Coletivo de Trabalho (CCT), o qual se encontra em negociações há… 31 meses! Por sua vez, pedem o encerramento aos feriados e domingos dos estabelecimentos, bem como o aumento dos salários.

Por sua vez, querem o fim da tabela B e a progressão automática do operador de armazém. Num comunicado, a CESP destaca “têm greve específica os trabalhadores do Auchan, do Pingo Doce/Jerónimo Martins, da Sonae, da Dia/Minipreço para exigir a resposta aos cadernos reivindicativos apresentados para 2019 e a negociação do CCT” assume “denuncia os comportamentos que as empresas de distribuição já estão a ter, uma vez mais, de pressão e tentativa de intimidação dos trabalhadores”.

Na verdade, todos os trabalhadores da grande distribuição querem ter a possibilidade de articular a vida pessoal com a vida profissional.

Deixe um comentário