Alimentam raposa após fogo em Monchique!

Alimentam raposa após fogo em Monchique!

Família vive na zona ardida dos fogos em Monchique de agosto e desde que o incêndio arrasou com a serra algarvia que a raposa passou a ser vista mais frequentemente junto às habitações. Jorge Gaspar e Graça Nunes dizem que o animal estava esfomeado e foi-se aproximando cada vez mais deles, que acabaram por a alimentar.

Agora, a raposa aparece diariamente à procura de comida. Desde netão, batizaram-na de Juliana e continuam a alimentá-la. “Hoje a ementa foi frango, mas já tem comido entrecosto e bifes de peru. Damos sempre uma cozedurazinha à carne. Acho que ela já está mal habituada…”, diz Jorge Gaspar.

 

A raposa chega mesmo a comer junto da mão deles “É triste ela aproximar-se por ter fome, mas acaba por ser um gesto de carinho da nossa parte”, contando depois “a Juliana costuma roubar coisas e depois temos de ir atrás dela. Já levou um chinelo, uns óculos de mergulho e um tubo”.

 

Deixe um comentário