PRISÃO: José Sócrates regressa a Évora e irrita-se com guardas da cadeia

Este sábado, o antigo primeior-ministro de Portugal, José Sócrates regressou à prisão de Évora. Mas, o principal arguido da Operação Marquês, foi apenas visitar o amigo Armando Vara, acabando por tornar-se o protagonista de alguns momentos de tensão com guardas prisionais.

De acordo com o Correio da Manhã, José Sócrates entrou sozinho na prisão. Aquando a entrada, ele fez algumas observações sobre o futuro dos guardas prisionais, algo que não agradou aos visados.

Na saída, pediram a José Sócrates para preencher um papel com dados pessoais atualizados, algo que o deixou irritado. Afinal, ele também já esteve preso neste estabelecimento prisional. Armando Vara está preso desde 16 de janeiro e tem que cumprir 5 anos de cadeia por tráfico de influências.

You may also like...