Padre usa dinheiro dos donativos dos fiéis para comprar droga e organizar orgias

Em Itália, o padre Francisco Spagnesi da diocese de Prato foi apanhado a roubar dinheiro da paróquia. Para que era utilizado o dinheiro? Comprar drogras, sobretudo cocaína e GBL (também conhecida como “droga da violação”).

Aos 40 anos, o sacerdote terá utilizado o dinheiro dos donativos dos fiéis para uso próprio e com o intuito de desfrutar em orgias. As autoridades locais começaram a investigação em agosto e atualmente Francisco Spagnesi encontra-se em prisão domiciliária, após terem apanhado o cúmplice que lhe levava a droga da Holanda.

A droga era usada durante as orgias e as mulheres em “recrutadas” através de sites de encontros.