Predador espancado por multidão em fúria após vangloriar-se “Estou a violar a sua filha”

Em setembro de 2019 foi brutalmente espancado por uma multidão em fúria. “As pessoas tratavam-me de forma diferente. Não podia ligar o meu telemóvel. Chegavam milhares de mensagens ameaçadoras. Cheguei a ser agredido no meu local de trabalho. A minha família não sai de casa com medo do que possa acontecer”, desabafou Murat Kaya.

No entanto, o homem de 36 anos é acusado de uma violenta violação e ainda se vangloriou ao telefone “Estou a violar a sua filha neste momento”. Momento antes, a vítima de 29 anos conseguiu ligar à mãe e disse-lhe “Mãe, estou a morrer. Cuida do meu filho”.

Após este brutal ataque, a vítima foi abandonada na berma da estrada e acabou tetraplégica. Desde esse dia que nunca mais conseguiu falar por causa do choque! E Murat Kaya lavou o local do crime e apagou todos os registos de videovigilância.

Agora, o caso seguiu para tribunal. Veja o estado (vegetal) da vítima:

You may also like...