Mónica Sintra revela que inventou que Diogo Infante atropelou o seu cão só para o conhecer

Mónica Sintra revelou que era fã de Diogo Infante em criança e contou que chegou a inventar uma história à polícia só para o conhecer.

“Eu era fã do Diogo Infante, devia ter para aí uns 12/13 anos, sou. Mas era fã, apaixonada, do género ‘um dia vou namorar com o Diogo Infante’ ok?”, começou por contar no ‘Passadeira Vermelha’.

“E o Diogo Infante tinha um carro descapotável vermelho e estava sempre a passear em Sintra e eu tirei a matrícula e para saber onde é que ele morava, liguei para a GNR e disse que aquele carro tinha atropelado o meu cão e que precisava de saber a morada do senhor”, acrescentou.

“E acabou aí a minha história. Diogo, peço imensa desculpa, tinha 12 13 anos, era mega fã, tinha uma esperança gigante…tinha o quarto cheio de posters do Diogo Infante…”, explicou, acrescentando que a GNR não lhe chegou a dar a morada do artista.

Também é notícia: Melhorias! Maria João Abreu está a “responder bem à medicação”

You may also like...