Meghan Markle escreve uma carta de partir o coração ao seu pai “Por favor, para de criar tanta dor”

Meghan Markle escreve uma carta de partir o coração ao seu pai “Por favor, para de criar tanta dor”

Segundo o Daily Mail, Meghan Markle enviou uma carta escrita à mão em agosto de 2018 ao seu pai, Thomas Markle. A autenticidade ainda não foi confirmada, mas o conteúdo é de partir o coração.

“Papá, é com o coração pesado que escrevo isto, sem entender por que é que escolheste seguir este caminho, fechando os olhos para a dor que estás a causar. As tuas ações partiram o meu coração num milhão de pedaços – não apenas porque me deste uma dor desnecessária e injustificada, mas porque fizeste a escolha de não contar a verdade, és manipulado por marionetes nisto. Algo que eu nunca irei entender.

Ofereci sempre o apoio financeiro que pude, preocupando-me com a tua saúde… e sempre a perguntar como eu poderia ajudar. Na semana do casamento fiquei a saber que tiveste um at1que cardíaco através de um tabloide, foi horripilante. Telefonei e mandei uma mensagem. Implorei para que aceitasses ajuda – enviámos uma pessoa à tua casa… e em vez de falares comigo para aceitares isso ou qualquer ajuda, paraste de atender o teu telefone e optaste por falar apenas com tabloides.

Tu disseste que eu nunca te ajudei financeiramente e que nunca me pediste ajuda, o que também é falso; enviaste-me um e-mail em outubro que dizia: ‘Se eu depender demasiado de ti por dinheiro ajuda, então desculpa-me. Ouvir os at1ques que tu fizeste ao Harry na imprensa, que não era nada além de paciente, bondoso e compreensivo contigo é talvez o mais doloroso de tudo.

Se tu me amas, como dizes à imprensa, por favor, para. Por favor, deixa-nos viver as nossas vidas em paz. Por favor, para de mentir, por favor, para de criar tanta dor, por favor, para de explorar o meu relacionamento com o meu marido. Se parares por um momento, acho que verás que és capaz de viver com uma consciência limpa é mais valioso do que qualquer pagamento no mundo.”, lê-se na carta.

Deixe um comentário