Com corda na garganta, José Luís, teme o pior

José Luís esteve emigrado à procura de melhores condições de vida, mas acabou por voltar com uma mão cheia de nada! E com a corda na garganta, teme mesmo o pior! Depois de emigrado na Suíça, regressou a Portugal, mas longe de ter a sua vida resolvida.

Cheguei a uma altura que não tinha onde ficar, nem para onde ir, não tinha dinheiro nem trabalho e lá vim eu outra vez de camioneta. Foi uma grande desilusão. Fui cheio de expectativas e vim com uma mão à frente e outra atrás”, disse à TV7Dias!

 

Diz mesmo que vive na miséria e apenas consegue estar de pé graças às suas tias. “É graças a elas que sobrevivo. Não tenho absolutamente nada, é muito triste”. Diz mesmo estar disposto a vender tudo o que tem para ter dinheiro para viver…

Tenho meia dúzia de peças de antiguidade, mas vão indo… O aperto é tanto que vou desfazer-me dos meus bens. Dos poucos que ainda tenho. É desesperante e não sei como dar a volta. Esta situação toda é muito constrangedora”.

 

You may also like...