RTP arrasada após jovem ganhar prémio máximo do Joker

“Não bate a bota com a perdigota”, dizem… uma enxurrada de críticas em torno da vitória com que a jovem de 20 anos ganhou o prémio máximo do Joker, programa da RTP1 apresentado por Vasco Palmeirim!

Há quem questione se a vitória da jovem foi ou não um jogo “limpo”. Pois há quem diga que Sara Queiroz, de 20 anos, só ganhou para a estação poder promover a próxima temporada do concurso que já está anunciada!

ver video aqui.

Sara começou por admitir que a sua família concorreu várias vezes e por isso, alteraram alguns dados, como a idade, morada e profissão. Assim, há quem diga que a jovem não tenha 20 anos! Além de que a sua idade não se adequa à carreira profissional, pois é bolseira de investigação na Universidade Nova de Lisboa!

Um seguidor do programa escreveu nas redes sociais o seguinte “Alguém viu a palhaçada que acabou de acontecer no programa Joker da RTP? Não sei se sou eu que vejo demasiada maldade no mundo, mas para mim o acabou de acontecer foi uma pouca vergonha nesta televisão de suposto serviço público”, insatisfeito pelo que havia visto ao longo dos quase 50 minutos de programa!

E depois mais alguns comentários a levantar suspeitas “Foram 6 perguntas acertadas ao calhas no total. Dá uma probabilidade de 1/4096. Foi estranho sem dúvida” ou esta “Mais estranho foi a reação da miúda e a forma como jogou arriscando à balda e não usando jokers. Mas isto é só a minha opinião” e “mais estranho foi a forma como ela ficou impávida e serena perante estas extraordinárias probabilidades, como se fosse perfeitamente normal acertar ao calhas tanta pergunta seguida”.

E há quem toque na questão da idade “Pois, tem 20 anos mas começou a licenciatura em 2012, há 8 anos atrás, com 12 anos, e o mestrado em 2016, com 16 anos? Claramente terá de ter pelo menos 26 anos, porquê mentir em algo sem interesse?”.

 

You may also like...