Baixa de peso: DGS perde Graça

Mais uma perda para a DGS, agora é a Diretora quem abandona o cargo, isto depois de ter estado de baixa médica. Inês Santos Estevinho Fronteira foi o nome apontado para substituir Graça Lima. Uma saída que ocorre dias depois de Rita Sá Machado ter saído para a ONU.

O pedido de cessação de funções data a 23 de junho, dia em que houve uma das mais polémicas reuniões no Infarmed. Em que especialistas terão contrariado a tese de que o aumento de casos em Lisboa se justificava com o aumento de testes.

 

You may also like...