Governo aprova alterações ao calendário escolar

As alterações ao calendário escolar foram já aprovadas pelo Governo. Isto depois de as aulas presenciais terem sido interrompidas durante 15 dias. Agora, devido a isso, teve que haver um ajuste no calendário, não há férias de Carnaval, as férias da Páscoa foram encurtadas e o ano letivo vai acabar uns dias mais tarde!

O decreto-lei foi já aprovado em Conselho de Ministros estabelecendo medidas excecionais e temporárias para a educação para 2021. “Assegurar a continuidade das atividades educativas e letivas, de forma justa, equitativa e de forma mais normalizada possível”, informa o Executivo que “as medidas definidas são aplicáveis à educação pré-escolar e às ofertas educativas e formativas dos ensinos básico e secundário, ministradas em estabelecimentos de ensino público, particular e cooperativo de nível não superior, incluindo escolas profissionais, públicas e privadas, lê.se no comunicado do Conselho de Ministros.

 

You may also like...