Confinamento de 2 meses pode ditar “normalidade” em maio

Matemático português defende o confinamento por 60 dias, ou seja, 2 meses. E diz mesmo que se tal acontecer, maio pode ser o mês da “normalidade”, se bem que as previsões indicam julho como tal.

Um cenário nada animador é o que vivemos atualmente. Portugal continua no topo do mundo com a maior subida de casos diários e mortes por covid-19. A descida vai depender do tempo de confinamento. Assim, Henrique Oliveira, assegura que o confinamento de 15 dias poderá resultar, no final de março, num total de 25 mil mortes e 180 dias de pressão sobre o Serviço Nacional de Saúde (SNS), ou seja, durante seis meses, mais de 750 pessoas vão ocupar camas nos cuidados intensivos

 

Se aumentar para um mês, os números poderão baixar ligeiramente. Mas que apenas se notarão grandes diferenças significativas se o confinamento aumentar para 60 dias e o Governo investir na vacinação dos idosos, uso de máscaras de qualidade e testes rápidos!

 

You may also like...