Fiéis beijam cruz improvisada em Barcelos contra recomendações da DGS

Dezenas de fiéis beijaram uma cruz pascal improvisada na freguesia de Martim, em Barcelos. O vídeo começou a circular nas redes sociais e já está a causar polémica. 

De acordo com o Jornal O Minho, os promotores do ‘beija-cruz’  já foram identificados pela GNR. A mesma publicação dá conta que os envolvidos podem incorrer em crimes de desobediência ou de propagação de doença contagiosa, cujo quadro penal pode ir até dois e até oito anos de prisão, respetivamente.

A pandemia provocada pelo novo coronavírus matou já 504 pessoas em Portugal e mais de 16 mil casos de infeção, segundo os dados divulgados no domingo pela Direção-Geral da Saúde.

 

You may also like...