Empresário brasileiro afirma que “não é por cinco ou sete mil pessoas” que vão morrer que o país deve parar

As declarações de um dono de uma cadeia de restaurantes no Brasil estão a dar que falar. Junior Durski partilhou um vídeo no Instagram onde se mostra contra as medidas de isolamento no país. 

O empresário afirma que “não é por cinco ou sete mil pessoas” que vão morrer que o Brasil deve parar. Durski afirmou ainda que os prejuízos económicos vão ser maiores do que as mortes que o vírus pode causar.

You may also like...