Covid-19: Professores e pessoal não docente passam a ter prioridade na vacinação

A partir desta quarta-feira foram conhecidas novas medidas em Portugal. A Direção Geral de Saúde anunciou que o desconfinamento das escolas é uma das primeiras prioridades e que o pessoal docente e não docente do ensino público e privado passam a estar incluídos nos grupos prioritários de vacinação contra a Covid-19.

Outra novidade refere-se à vacina da AstraZeneca que será administrada “sem reservas a partir dos 18 anos. Esta decisão tem suporte na divulgação de dados conhecidos nos últimos dias, que indicam que a vacina da AstraZeneca é eficaz em pessoas com mais de 65 anos”.

Por sua vez, as pessoas com trissomia 21 também ficam incluídas na primeira fase do plano de vacinação.

You may also like...