Co-piloto morre durante competição no rali da Marinha Grande

 A co-piloto Laura Salvo morreu este sábado num acidente durante as provas oficiais do Rali Vidreiro 2020, na Marinha Grande. A jovem, de 21 anos, competia num carro Peugeot junto do piloto Miquel Socias. O Rali foi cancelado após a morte da jovem. 

Comunicado na íntegra do Rali Vidreiro 2020 : 

Comunicado oficial:  Acidente no Rali Vidreiro vítima Laura Salvo

Laura Salvo, co-piloto espanhola, de 21 anos, faleceu esta manhã no decorrer da primeira especial do Rallye Vidreiro Centro de Portugal – Marinha Grande. Uma saída de estrada vitimou a jovem atleta que neste evento acompanhava Miguel Socias

O Presidente do Clube Automóvel da Marinha Grande explicou o incidente no LiveStream da competição: “Infelizmente temos a comunicar um óbito no nosso rali. A concorrente Laura Salvo, que competia como navegadora na Peugeot Rally Cup Iberica, sofreu um acidente logo no início do primeiro troço, acabando por falecer. O Clube Automóvel da Marinha Grande e os respetivos meios de auxilio chegaram ao local em cerca de dois minutos, fazendo todos os possíveis para salvar a jovem concorrente, tentando a reanimação. Os meios levaram a vítima para uma zona onde fosse possível a chegada de um helicóptero de emergência médica, mas a concorrente acabou por falecer no local. Em meu nome, e em nome do Clube Automóvel da Marinha Grande endereço publicamente os meus sentimentos a toda a família, amigos e equipa da vítima.”

Ao longo do dia e assim que possível mais declarações oficiais da organização.

You may also like...