Caso do bebé sem rosto arquivado pela Justiça

O caso do bebé sem rosto foi arquivado pela Justiça. O menino nasceu em 2019 sem nariz, sem olhos e sem parte do crânio. 

O médico responsável chegou a ser expulso da Ordem dos Médicos. Contudo, para o tribunal de Setúbal não há provas de que o Artur Carvalho tenha praticado o crime de ofensas à integridade física qualificada durante o acompanhamento de Marlene Simão, a mãe de Rodrigo.

O Correio da Manhã dá conta assim que o caso que responsabilizava o médico obstetra por não ter detetado durante a gravidez a situação do menino ficou sem efeito. O caso foi arquivado.

Também é notícia: Seis anos de cadeia para suspeito de incêndio em canil de Santo Tirso

You may also like...