Árbitro do PSG-Basaksehir quebra o silêncio

Acusado de provocar os incidentes que culminaram na suspensão do jogo entre PSG e Basaksehir da fase de grupos da Liga dos Campeões, o árbitro Sebastian Coltescu quebrou o silêncio, avança o jornal romeno ProSport.

“Só tento ser bom. Hoje em dia, não leio qualquer site de comunicação social. Quem me conhece sabe que não sou racista! Ou, pelo menos, assim espero”, disse.

O jogo foi interrompido aos 14 minutos, após o árbitro principal expulsar o treinador-adjunto dos turcos, Pierre Webo. No entanto, referiu-se como “preto” e originou uma enorme polémica no Mundo.

You may also like...